Cintura de Pilão

 

  “Vem cá, cintura fina, cintura de pilão.
Cintura de menina, vem cá meu coração.”

 

Essa expressão pode equivaler ao que muita gente conhece como “corpo de violão”, que caracteriza as curvas que só as mulheres tiveram a sorte de ter. Ela foi usada em 1959, por Luiz Gonzaga, na música chamada “Cintura Fina” – que além de uma verdadeira homenagem ao sexo feminino é também uma observação a todas nós, mulheres.

 

 

Dê atenção especial a essa parte do seu corpo, porque cintura de mulher é coisa bonita! Aliás, as curvas femininas precisam ser valorizadas e a cintura nunca saiu de moda totalmente. 
 
Por um bom tempo a modelagem que reinava marcava a altura do quadril, o que a gente chama de cintura baixa. Claro que você conhece, né? Quase virou uma ditadura! Mas isso só aconteceria se não existisse a natureza humana de reciclar e reinventar a moda. Os vestidinhos fashions também estavam meio esquecidos de todas as curvas femininas e a maioria valorizava modelagens amplas e soltinhas. Mas agora, estamos vendo em muitos looks a necessidade (ou vontade mesmo!) de enfatizar a região do corpo que caracteriza a feminilidade de qualquer mulher: nossa cinturinha! A cintura marcada, em vestidos (principalmente) e camisões, vem aparecendo mais! Seja através da própria modelagem ou com uma superajuda de cintos bacanas, que em certos casos tomam conta do visual. 
 
Atenção a essa releitura, que tem ares de anos 80! Parece que a moda da década de 80 está pretendendo um revival. Será?
 

 
 
 

 

  Abaixo, a cintura marcada nas passarelas:

 

 

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s